Valdir Raupp e Marinha Raupp cobram da Eletrobras o início das obras de integração de localidades isoladas ao Sistema Interligado Nacional

O Diretor de Gestão agradeceu ao senador Valdir Raupp e a deputada Federal Marinha Raupp, pelo empenho na liberação de recursos na ordem de R$ 500 milhões junto a Aneel.

Assessoria
Publicada em 15 de setembro de 2017 às 14:05

O Senador Valdir Raupp e a Deputada Marinha Raupp estiveram nesta segunda feira (11), na sede da Eletrobras Distribuição Rondônia, para tratar do andamento das obras de construções de Linhas de Transmissões, destinadas à integração de regiões isoladas ao Sistema Interligado Nacional – SIN.

Recebidos pelo Diretor Presidente – Luiz Marcelo Reis de Carvalho, pelo Diretor de Gestão – Efrain Cruz e pelo Diretor de Operação Thiago Soares, que fez apresentação informando que o início das obras está previsto para fevereiro de 2018.

O Diretor de Gestão agradeceu ao Senador Valdir Raupp e a Deputada Federal Marinha Raupp, pelo empenho na liberação de recursos na ordem de R$ 500 milhões junto a Aneel. “Estes recursos, tanto para a Eletrobras como para a população beneficiada, representam uma grande conquista, pois a retirada destas cidades do sistema isolado promoverá o crescimento econômico e social destas regiões, por isto nossos agradecimentos ao Senador Raupp e a Deputada Marinha”, disse Efrain Cruz.

As regiões que serão contempladas com o fim da geração térmica e interligadas ao Sistema Nacional, são os municípios da região da BR-429, a partir de presidente Medici até Costa Marques e região do município de Chupinguaia; região da Ponta do Abunã, beneficiando as localidades de Abunã, Vista Alegre, Extrema, Ponta do Abunã e Nova Califórnia; região de Buritis interligando Ariquemes, Monte Negro, Buritis e Campo Novo e terceiro Linhão será na região de Machadinho do Oeste contemplando os municípios de Machadinho, Vale do Anari, Theobroma, Cujubim e Jaru.

Na oportunidade, Dr. Efrain Cruz relembrou as muitas idas e vindas do Senador Raupp e da Deputada Marinha Raupp ao Ministério de Minas e Energia e a ANEEL, em busca de recursos. “Os esforços valeram a pena, pois serão investidos cerca de R$ 500 milhões de reais, que durante e após as obras, aquecerão a economia, gerando emprego e renda, atraindo empresas e indústrias não somente para estas regiões, mas para todo o estado de Rondônia”, completou Efrain.

Comentários

  • 1
    image
    josé ricardo freitas 18/09/2017

    Senador cobre também essa maldita falta e luz no interior também pois, se ameaça chuva lá em São Paulo a energia acaba aqui também ai a gente fica ligando naquele maldito 0800, e depois de aproximadamente 6, 8 10 e até 17 horas a energia volta, NOTA PARA ELETROBRAS ZERO.

  • 2
    image
    Telma Rodrigues 15/09/2017

    Enquanto algumas poucas pessoas procuram denegrir o nome de Valdir e Marinha Raupp, estes prosseguem sua luta no Senado e Câmara Federal, em favor de RO. Em tempo algum, houve senador ou deputada federal que trouxesse tantos recursos e benefícios para RO, como o citado casal. Os números (de votos) de ambos, em todas as eleições das últimas décadas, impressionam. Mas são proporcionais ao trabalho que ambos realizam, diuturnamente, em favor do povo e Estado que tão dignamente representam.

  • 3
    image
    Joao roberto 15/09/2017

    Antes tarde do nunca, mas eu penso q o povo destas regioes devem tomar a decisao q o mst, lcp,sem teto e outros e fecharem e ou ate derrubarem as redes que vao pra sul, sudeste e depois de fazerem as redes linhao nestas regioes ai sim a energia pode ir para o sudeste rico, sem energia onde produz e uma inversao da realidade.

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook