Prefeito faz o melhor carnaval dos últimos anos e se entoca

O carnaval de rua está no fim e lamento não ter enviado pessoalmente o convite ao prefeito para o desfile do Bloco Pirarucu do Madeira com um RVSP, expressão francesa que significa “Responda por favor”.

Luciana Oliveira
Publicada em 14 de fevereiro de 2018 às 13:26

O carnaval de rua está no fim e lamento não ter enviado pessoalmente o convite ao prefeito para o desfile do Bloco Pirarucu do Madeira com um RVSP, expressão francesa que significa “Responda por favor”.

O bloco que dirijo junto com o fundador Ernande Segismundo, completou 25 anos e fez um primoroso e inesquecível desfile, como tantos que contaram com o apoio da prefeitura através da equipe da Fundação Cultural.

Ninguém pegou em dinheiro, mas a prefeitura arcou com a banda, trios, grades e banheiros químicos dos blocos – uns com mais e outros com menos – que fizeram deste o melhor carnaval de rua dos últimos anos.

Há um ano a gestão de Hildon Chaves só recebeu críticas na folia momesca. Minhas, duríssimas.

Por honestidade, agora fiz questão de agradecer o apoio.

Apesar do planejamento e acompanhamento ser da Funcultural, houve vontade política para ampliar e diversificar a agenda de carnaval.

Teve folia em todas as regiões da cidade, democráticas e variadas.

Um ponto forte foi a sensibilidade do secretário de Cultura em promover repertórios tradicionais.

As crianças ganharam um evento que lotou o Mercado Cultural e à unanimidade recebeu elogios.

Só pela agenda oficial, 18 blocos desfilaram nas ruas da capital e outros tantos alheios à burocracia.

Foi um período fértil de produção de músicas, adereços, coreografias e fantasias.

Não sei quanto, mas circulou dinheiro na cidade.

Os ambulantes garantiram uma grana que vinha pingando em conta-gotas.

Além disso, foi um carnaval de paz.

O maior bloco da região Norte, a Banda do Vai Quem Quer, arrastou seus milhares de foliões sem registrar incidente.

Passada a festa, todos cochicham pelos cantos: por que o prefeito estando na cidade não foi cumprimentar seu povo?

Hildon acompanhou pela internet e televisão a maravilhosa festa que garantiu.

Falam em medo de vaias por conta da gestão que se sustenta em banhado. O entra e sai de secretários, um por mês desde que assumiu, inspira desconfiança e queixas.

Não creio que seria hostilizado e sendo, que enfrentasse o ônus de ser prefeito. Só desfrutar do bônus, é impossível.

Perdeu a chance de faturar politicamente e ainda é visto como medroso.

Gosto de repetir que quando uma prefeitura não promove a maior manifestação cultural do país, mil se revoltam. Mas, quando realiza um bom carnaval, centenas de milhares elogiam.

Acho que o prefeito cometeu um grande erro ao se ausentar da festa popular.

Em capitais com o vigor do nosso carnaval de rua, nenhum prefeito deixa de comparecer.

Quem merecidamente colheu aplausos foi o secretário e a sua equipe da Funcultural, até aqui alvo só de críticas e até ‘fogo-amigo’ na gestão.

Ocampo Fernandes lavou a alma e provou entender que o diálogo é a única via possível de verdadeiramente fomentar a cultura popular.

Que ele estenda ao prefeito os parabéns pela vontade política e a queixa pela ausência.

O povo esperou o aplauso do prefeito em folias que reuniram elementos considerados um patrimônio imaterial cultural do Brasil.

Foi bonita a festa, pá!

Comentários

  • 1
    image
    Alves Vieira 14/02/2018

    E salutar vê que a festas momesca mostrada por esse presidente tiveram êxito, deve ter tido financiamento público, para bajular essa péssima administração, já que isso não refletiu no resto da cidade ou das pessoas que andam sofrendo com os alagamentos e buracos nas ruas que so aumentam e permanecem pela incapacidade da atual gestão, que provavelmente não estava na cidade, deve seguido a mesma linha do prefeito Crivella no Rio de janeiro, foi passear na Europa. Deixando o povo a mosca. Nós merecemos pois elegemos pessoas demagogas que nos enganam com promessas que ficam só no campo dos sonhos, feito a novela, quando um candidato diz a verdade nós não aceitamos. Uma gestão que troca de secretariado de mês em mês, só pode ser tachada de encompetente e inútil, deveria é renunciar ao cargo por incompetência.

  • 2
    image
    Luciano 14/02/2018

    O texto começa com elogios e finda com cutucadas. Se o prefeito ajudou, bem. Se não quis comparecer, escolha pessoal. Dêem-se por satisfeitos, pois com tantas mazelas á serem resolvidas na cidade ainda fizeram o melhor carnaval de rua dos últimos anos(segundo o autor). Parabéns ao Prefeito.

  • 3
    image
    José Silva 14/02/2018

    Como você ver o prefeito não gosta de carnaval, que é um direito dele, como de muitos outros, mas o princípio da impessoalidade, possibilitou a realização de um bom carnaval (para quem gosta), tirando o vandalismo ocorrido em determinadas zonas.

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook