Fórum muda agenda e governadores se encontram com presidente

O governador Confúcio Moura participou da comitiva que teve encontro com o presidente Michel Temer.

Texto: Nonato Cruz Fotos: Governo de Mato Grosso
Publicada em 11 de agosto de 2017 às 14:38
Fórum muda agenda e governadores se encontram com presidente

O 15º Fórum de Governadores da Amazônia Legal, encerrado nesta sexta-feira (11), em Cuiabá (MT), foi marcado por avanços significativos nos projetos de interesse do bloco. A agenda, entretanto, precisou ser alterada para que os representantes dos estados participassem de evento com o presidente da República Michel Temer, no município de São Lucas do Rio Verde.

Presente ao fórum para participar da etapa em que ocorrem as deliberações das questões antecipadas nas câmaras técnicas, Confúcio Moura, o governador de Rondônia, concordou com a proposta o anfitrião mato-grossense, governador Pedro Taques, para ir com os demais colegas do bloco, para o município de São Lucas do Rio Verde, a 460 quilômetros da capital Cuiabá, para o evento com o presidente Michel Temer.

Em São Lucas do Rio Verde, Michel Temer visitou uma fazenda e abriu a colheita do algodão.

COMISSÕES

A agenda foi retomada em seguida, quando a comitiva dos governadores retornou a Cuiabá para cumprir as demais etapas do fórum.

As reuniões dos governadores são antecedidas pelo trabalho das comissões técnicas, que finalizam o conteúdo a ser analisado e deliberado pelos governadores no último dia do fórum.

O fórum é composto pelos governadores dos estados que compõem a Amazônia Legal: Rondônia, Amazonas, Acre, Pará, Roraima, Amapá, Mato Grosso, Maranhão e Tocantins.

As câmaras técnicas Ambiental, Segurança Pública, Comunicação Pública e Conselho Consultivo produziram documentos com os temas tratados e concluídos em reuniões ocorridas na quinta-feira (10).

Parte das conclusões constou na Carta de Cuiabá, documento que resume os compromissos e decisões do fórum.

Assinada pelos governadores dos nove estados membros do bloco, a carta será encaminhada a autoridades federais para conhecimento.

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

Exames confirmam que 1,1 mil bois morreram de botulismo em MS

Exames confirmam que 1,1 mil bois morreram de botulismo em MS

Exames confirmam que 1,1 mil bois morreram de botulismo em propriedade rural localizada no município de Ribas do Rio Pardo, em Mato Grosso do Sul. Foram encontradas toxinas no alimento dos animais. Além disso, o diagnóstico foi confirmado por investigação clínico-epidemiológica feita no local.