Após manter família refém, bandido atira na polícia e acaba baleado; suposto comparsa sofre tentativa de linchamento

Durante a fuga, segundo relato da polícia, o elemento efetuou vários tiros na direção dos policiais, que revidaram e o atingiram no ombro.

Da reportagem do Tudorondonia
Publicada em 25 de março de 2017 às 09:58

Porto Velho, Rondônia - Raian Ferreira nascimento, 27 anos , e Leandro Silva de Souza, 26 , foram presos no final da noite dessa  sexta-feira (24) ,acusados  terem  roubado uma  residência localizada na Rua Don Pedrito, no bairro Escola de Polícia, região leste de Porto Velho. Eles  acabaram surpreendidos por policiais militares do 5ºBPM,  que foram acionados por testemunhas. As pessoas contaram que  viram a dupla entrar na casa e render a família. 

Assim que viram a presença dos policiais,  a dupla começou fuga, pulando vários muros de  quintais de outras casas.  Raian foi detido por alguns populares e  espancado. Só não foi morto porque a polícia interviu na tentativa de linchamento .  Já  outro  elemento  invadiu uma  residência e com a  pistola em punho,  fez novos reféns, mas  logo a casa foi cercada  pela polícia. Houve o início de negociação, mas o bandido largou a refém e fugiu pelos fundos.

Durante a fuga , ele  efetuou vários tiros na direção dos policiais,  que revidaram e atingiram o elemento com um disparo  no ombro. A arma do bandido , uma pistola 9 mm, foi recuperada. Ferido, ele  foi socorrido por uma guarnição da PM para Unidade de Pronto Atendimento  (UPA) leste.

Como havia perdido muito sangue,  foi encaminhado pelo Samu ao pronto socorro do hospital João Paulo II, onde passou por cirurgia e permaneceu internado na condição  de preso sob custódia de agentes penitenciários.

O caso foi registrado na Central de Flagrantes,  onde  foi apresentado o acusado  Raian. Ele disse  que não tinha envolvimento  com o roubo e que correu porque ficou com medo. A  versão é  desmentida pelas vítimas, que, segundo a polícia, teriam  feito o reconhecimento.

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie seu Comentário